22 de mai de 2010

Sob nevoeiro use farol baixo.

Seguimos a vida fazendo escolhas, consultando nosssos mapas, bússolas e guias para determinar o caminho, que lado ir , tentando sempre evitar se perder. Se perder dá medo, apavora. Mas será que se perder é ruim mesmo ? Se perder também abre oportunidades. Oportunidade do desconhecido, do novo, do diferente. Nunca esqueço quando numa viagem em Paris me separei dos amigos e resolvi flanar. Saí com o objetivo assumido de me perder pelas ruas. E nesse dia encontrei um lugar mágico. Uma pequena casinha, charmosa, cheia de tralha, pilhas de livros desorganizadamente arrumados, frases soltas pelo chão, poemas escritos nos degraus, poesias e plantas tudo junto e misturado. Foi como se eu tivesse encontrado a casa de doces do João e Maria. Era a livraria Shakespeare & Co. O dono um senhor rabugento e ao mesmo tempo simpático, não me deixou tirar fotos, mas carrego comigo a lembrança e o cheiro de livro e papel guardado. Foi um momento, um instante, um encontro que surgiu a partir da liberdade de me perder. Os amigos dessa viagem até hoje não conseguiram encontrar a livraria , expliquei que só vão encontrar quando se perderem. Paris me emociona e me dá fome. Respeito e admiro a culinária francesa, mas do meu jeito... Deve ser um crime para os chefs e puristas, mas de cara substituo e elimino a manteiga e o leite das receitas. Essa é uma receita de quiche que adoro fazer para os amigos, já é um clássico. Quiche de palmito e alho poró Ingredientes: Massa 300 gr de farinha sem glúten ( FSG) ou farinha de arroz. 1/2 xíc. de azeite ( vou colcando no olho aos poucos para a massa não ficar muito mole) um pouquinho de água sal marinho a gosto Recheio: 01 vidro de palmito orgânico picado ( lavar antes) 01 alho poró 01 vidro pequeno de cogumelos 02 cebolas pequenas pimenta do reino cominho óleo de canola sal marinho Modo de preparo: Junte a farinha com azeite numa tigela , despeje aos poucos o azeite, amasse bem e forme uma bola. Se necessário coloque um pouquinho de água para dar liga. Até que a massa solte das mãos. Deixe descansar na geladeira coberta por 1h se possível. Prepare o recheio: Refogue o alho poró em rodelas com cebola picada no óleo de canola, pimenta do reino e cominho. Bata no liquidificador o palmito com o cogumelo para formar um creme. Misture o creme delicadamente com o refogado. Abra a massa com rolo em uma superfície lisa. Forre uma forma de quiche, ou torta. Despeje o recheio. Coloque em forno já aquecido. Deixe por pelo menos 30/40 minutos. Para acompanhar salada verde de folhas orgânicas. Nota da autora: As medidas não são exatas pois vou sempre colocando aos poucos até chegar na textura desejada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário