29 de mai de 2011

Couve-flor vegan au gratin


Estava frio, vento forte, gelado.
Caminhava pelo calçadão em busca de inspiração, de um sopro de ânimo.
Avistei no horizonte peixes voadores coloridos.
Passei um tempo ali, imersa naquele espetáculo aéreo de kitesurfistas manobrando e saltando sobre as ondas revoltas em dia de ressaca na orla. Lembrei quando tentou me ensinar a manusear a pipa do kite. Precisava entender o vento e coordenar a direção com todas aquelas linhas. Partimos então para o mar, eu agarrada na sua cintura para não voar longe. Parecia um ió-ió.
Que delícia a sensação de ser um golfinho. A noite, deitados na areia da praia me ensinou a perceber como estaria o mar no dia seguinte de acordo com vento. Sudoeste, terral, maral, os pontos cardeais, as estrelas, constelações, as direções, a leitura do céu, a voz do vento. Aprendi a respeitar os tempos.
O tempo do mar, o tempo do vento.
O nosso tempo.
O seu tempo.
O meu tempo.
Demos o tempo.
O tempo passou.
O mesmo vento que fez o encontro acontecer. Soprou para o outro lado e separou.
Que o vento sopre agora bem forte trazendo novos encontros.
Aos bons ventos !
Uma receita perfeita para as noites frias de inverno.
Couve-flor gratinada com molho branco de tofu.
Ingredientes: 01 couve-flor orgânica
02 cebolas grandes 01 salsa
01 cebolinha
01 manjericão
01 alecrim
Noz moscada
Ervas de provance
Cominho
Azeite
Tofu firme marca Ecobras ( pode substituir por pasta ja pronta da mesma marca Tofu cream)
Sal marinho
Alho desidratado em flocos
Modo de preparo: Cozinhe na wok a couve-flor com cebola, salsa, cebolinha, ervas de provance, noz moscada, pimenta do reino, cominho, sal marinho, até ficar al dente. Coloque essa mistura em pirex cubra com o tofu batido no liquidificador com bastante salsa, cebolinha, manjericão, alecrim, azeite, sal. Salpique alho desidratado por cima. Leve ao forno para gratinar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário