26 de set de 2009

Pizza de Aipim

Segundo a Medicina Tradicional Chinesa as raízes nos trazem a profundidade, reconectam com o elemento terra. São ótimas para desenvolver o raciocínio, intelecto, colocar em prática, botar em ação. Quando estiver precisando de um pouco mais de firmeza, pé no chão,consistência, abuse das raízes. Baroa, aipim, inhame, cará,... vale qualquer uma, ou melhor ainda um mix com todas. Numa viagem a Chapada Diamantina, no café da manhã da pousada foi servido uma pizza de aipim que eu gamei. E claro não sosseguei enquanto não descobri a receita. Dona Flor a simpática gerente me contou quase sussurrando no meu ouvido como quem conta um segredo: -"É só aipim ". Simples assim. Essa é uma das receitas mais fáceis e gostosas que conheço: Você vai precisar de: - 1 kg de aipim - alecrim -sal -azeite - 01 vidrinho pequeno de champignon - 01 bandeja de cogumelo Paris -01 bandeja de Shimeji ou Shitaki - Molho Shoyo sem Glutamato Monossódio Cozinhe o aipim descascado no vapor. Amasse bem o aipim com garfo ou no espremedor de batatas até formar um purê. Forre uma forma de pizza com papel manteiga. Atenção para colocar o lado brilhoso voltado para cima. Espalhe esse purê na forma de pizza. Salpique alecrim, sal, e um fio de azeite. Coloque em forno pré aquecido e deixe por cerca de 40 min. Até ficar bem durinha e crocante. Faça um teste espetando com garfo. Pronto essa é uma base de massa de pizza branca. Só assim já basta. Mas ainda podemos incrementar com mix de cogumelos picados aquecidos em figideira ou panela Wok com molho shoyo. Coloque esse molho por cima da massa. Corte em fatias. Para acompanhar: vinho tinto ou suco de uva orgânico.E claro uma boa companhia. Perfeito!

Um comentário: