21 de fev de 2010

RECEITAS DA POUSADA VEGETARIANA

Fugindo do calorão senegalesco do Rio fui me refrescar nas cachoeiras de Visconde de Mauá, fiquei numa pousada voltada para o bem estar, para desintoxicar, desacelerar e comer bem, o Goa SPA . O lugar é todo florido, colorido e enfeitado pela Dulce, a simpática dona que parece uma fadinha. Nas diárias estão incluidas as três refeições que são feitas com comida orgânica, muitas delas colhidas direto da horta do hotel. O cardápio vegetariano é comandado pelo chef Paulo Ceotto formado pela escola de Alimentação Natural em Londres. O café da manhã começava sempre com uma jarra de água morna com limão, para fazer a limpeza no organismo, e seguia recheado de pães caseiros com nozes, passas, variações de Lassi- bebida muito consumida na Índia feita de iogurte batido com frutas e especiarias como gengibre, cardamomo,etc. Além de frutas, chás, e queijos e geléias da região. O almoço servido em horário variado de acordo com a programação e vontade da maioria dos hóspedes, tudo bem democratico, era repleto de saladas frescas e coloridas, pratos como nhoc de aipim com molho de queijo minas, abóbora no forno, risoto de arroz integral com legumes e nozes, purês de inhame, bolinhos de arroz. No jantar era servido um lanche reforçado com sushis de arroz integral recheados com ameixa umeboxi- ameixa salgada consumida pelas japoneses, e vegetais crus, pizza integral. Mas o "the best of" do menu ficou por conta do bolo de futas desidratas do cozinheiro Marco, pedi a receita que é mais ou menos assim : Ingredientes para a base : Amendôas e castanhas hidratadas na água de um dia para o outro. tâmaras secas hidratadas. Cobertura: mistura de frutas secas hidratadas: pera, damasco, ameixa, passas, banana água de flor de rosa ou de flor de laranjeira. Como não anotei não tenho as medidas mas me pareceu bem simples. Para a massa: Escorra a água e faça uma farinha tirturando a amendôa com a castanha do Pará, misture com tâmara bem picada , modele a massa. Forre uma forma redonda que levante a lateral. Para a cobertura: Deixe as frutas secas hidratando na água de um dia para o outro. escorra a água e bata no liquidificador com duas colheres de sopa de água de flor de laranjeira ou de rosas. Cubra a massa e leve ao forno por cerca de 40 min a 01 hora. Salpique canela por cima. Estou doida para fazer.Quem se habilita a tentar ? Aguardo comentários. Uma dica para toda hora, as frutas desidratadas devem ser sempre hidratadas antes do consumo, deixe de molho na água de um dia para o outro, escorra e guarde em potinhos na geladeira, ficam mais leves, macias e fáceis de digerir. Vá lá: GOA SPA. Endereço : Estrada para o Mirantão, Km 28 Municipio de Bocaina de Minas, Tel : (024) 3387-2196 goaspa@dh.com.br, goaspabrasil.dulce@gmail.com

4 de fev de 2010

ATENÇÃO NO LANCHE DAS CRIANÇAS

Essa matéria foi publicada no jornal O Dia online e merece destaque pela ousadia no enfrentamento de uma indústria tão poderosa. Perigo no lanche infantil- POR BEATRIZ SALOMÃO Análise da Pro Teste em 31 produtos encontra substâncias prejudiciais à saúde das crianças Práticos, saborosos e aprovados pela maioria das crianças, biscoitos e doces industrializados devem ficar longe das lancheiras para não prejudicar a saúde dos pequenos. Boa parte destes lanches contêm substâncias que podem causar alergias, hiperatividade e até câncer. A conclusão é de análise em 31 produtos da Associação de Consumidores Pro Teste. Técnicos analisaram os rótulos de 16 biscoitos, oito doces, quatro gelatinas e três bebidas. Dentre as marcas analisadas, 19 apresentaram os corante Amarelo Crepúsculo, Tartrazina ou Vermelho 40, que podem causar hiperatividade, déficit de atenção, alergias e até câncer. Além disso, 13 tinham glutamato monossódico — que causa alergia —, e oito, edulcorante (adoçante) na composição. A substância é potencialmente cancerígena e pode causar lesões cerebrais. Segundo a pesquisadora de alimentos Manuela Dias, uma das responsáveis pelo levantamento, a presença de substâncias que causam malefícios deveria estar em destaque nos rótulos, o que não ocorre. A Pro Teste trabalhou com os biscoitos da Elma Chips, Piraquê, Club Social, Yoki, Visconti e Santa Helena. Os doces foram Mentos Ice Cheery, 7 Belo, Chiclets, Bubaloo, Jelly Bananas e Marshmallow e Confeti, além das gelatinas Royal e Dr Oetker. Entre as bebidas, estavam Mini Schin e o suco Tang de Maracujá. A Pepsico e a Arcor, responsáveis pela Elma Chips e 7 Belo, informaram seguir as determinações da Anvisa. A Visconti disse ter rígidos padrões de qualidade. A Schincariol optou por não comentar a pesquisa e a Yoki não encontrou os técnicos responsáveis pelo produto. Ninguém responsável pela Santa Helena foi encontrado. Procuradas, as demais marcas não responderam. O QUE DAR AOS FILHOS A nutróloga Tamara Mazaracki afirma que os pais devem dar preferência a alimentos frescos e naturais, sempre tendo cuidado com a conservação, para não estragarem. “Crianças devem levar na lancheira frutas, como maçã e banana, sanduíche de queijo e suco natural. São opções que não prejudicam a saúde”, explica Tamara. http://odia.terra.com.br/portal/cienciaesaude/html/2010/2/perigo_no_lanche_infantil_62197.html